NOTÍCIAS

Turismo deve crescer até 16,2% neste ano, diz pesquisa.

Um estudo do Ministério do Turismo, feito com as 80 maiores empresas brasileiras da área– responsáveis por um faturamento de R$ 64,6 bilhões e 115 mil postos de trabalho em todo o País– revela que as perspectivas de crescimento para 2016 são positivas. De nove segmentos pesquisados, sete estimam crescimento no faturamento neste ano.
Nos segmentos de locação de automóveis, transporte rodoviário e operadoras de turismo, mais de 90% dos pesquisados afirmam que irão investir novos recursos nos próprios negócios este ano. As locadoras de automóveis lideram a lista, com um aumento projetado de 9,6% no faturamento e de 16,2% no quadro de funcionários.
“Num momento desafiador como o que estamos vivendo, a projeção de aumento de faturamento e de empregos no setor é uma excelente notícia. Mostra que o turismo reúne boas condições para ajudar o Brasil a enfrentar a crise”, comentou o ministro interino, Alberto Alves.
As perspectivas de aumento de faturamento ocorrem também no turismo receptivo (8,3%), transporte rodoviário (6,6%), meios de hospedagem (5%) promotores de feiras (3,1%), agências de viagem (2,5%) e operadoras de turismo (0,8%).
O número de colaboradores deve crescer também entre os organizadores de eventos que estimam aumento de 3,2%, e no turismo receptivo, em 2,1%. O estudo foi feito pela Fundação Getúlio Vargas por encomenda do Ministério do Turismo.

Fonte: Fresp

Imagem: Big Stock by stockasso

Compartilhe:

FRETAMENTO CONTINUO

A Tursan transporta seus colaboradores de maneira segura e personalizada, atendendo todas as necessidades da sua empresa

SAIBA MAIS