NOTÍCIAS

25 de agosto – Aniversário de Redenção da Serra

Apesar de ser o Berço da Liberdade Paulista, o tempo estava contado para os seus moradores. Pois em meados da década de 70, a empresa de Luz e Energia Elétrica CESP, iria iniciar a construção de uma represa do Paraitinga em ligação com Paraibuna, obra que se fizera necessária, porém de inusitadas implicações, o que causou o desaparecimento de Redenção da Serra. A cidade e seus munícipes sofreram com a notícia, pois da antiga cidade apenas restaram a rua principal Capitão Alvin, com a esplendorosa Matriz construída em 1882 de pau a pique, a sede da Prefeirura Municipal e da Câmara, e poucas residências. As únicas lembranças são as velhas fotografias já em estado deplorável de acervos particulares, algumas cenas de filme do comediante Mazzaropi e as imagens que jamais serão apagadas da memória dos moradores.

 Porém a vida teria que continuar, e uma nova cidade iria surgir, o dia histórico desse recomeço foi 25 de agosto de 1975 quando ocorreu uma grande procissão conduzindo uma cruz de madeira, que percorreu o caminho entre a cidade velha e o novo local, onde seria construída a nova Redenção da Serra. A cidade ressurgiu como uma fênix das cinzas, e assim, foi-se construindo a nova Redenção da Serra, com muito sacrifício e esforço de um povo humilde e trabalhador, a cidade hoje, traz seus costumes e tradições em festas típicas e religiosas, realizadas durante todo ano. A mesma represa que há anos trouxe dor e tristeza, hoje é parte da beleza inigualável do município, e é parte do principal atrativo turístico de Redenção.

 

Fonte: Redenção da Serra

 

Imagem: Prefeitura / Divulgação

 

 

Compartilhe:

FRETAMENTO CONTINUO

A Tursan transporta seus colaboradores de maneira segura e personalizada, atendendo todas as necessidades da sua empresa

SAIBA MAIS